Gravura Brasileira

La Collecte

La Collecte

De 12/2/2004 a 27/3/2004

Obras

Imprensa

Press Release

Baixar

“La Collecte – le chiffre DEUX”
“A Colheita – o número DOIS”

 

           


Galeria Gravura Brasileira
Rua Fradique Coutinho, 953, Vila Madalena.
Telefones: 55.11.3097.0301 e 3097.9193
Abertura: 12 de fevereiro de 2004, quinta feira, 19 horas.
Período de exposição: 13/02 a 27/03/2004
Horários: segunda a sexta-feira de 10/18 hs. e sábado de 11/15 hs.
email: gravbrasileira@uol.com.br
site: http://www.cantogravura.com.br

Em fevereiro de 2004, a galeria Gravura Brasileira vai receber a exposição “La collecte - o número DOIS” com 300 gravuras de artistas dos cinco continentes, entre eles os brasileiros Ernesto Bonato e José Roberto Shwafaty e os canadenses Alain Fleurent, Mylène Gervais, Pierre Sabrier e Valérie Guimond. Este projeto é uma iniciativa do atelier Presse Papier de Quebec no Canadá que já expôs o projeto Trilíngue ABC (um álbum de gravuras com obras de artistas do Brasil, Argentina e Canadá) na galeria Gravura Brasileira em fevereiro de 2001.
Esta exposição tem o apoio o atelier Piratininga que estará expondo no mesmo período uma mostra dos artistas canadenses citados acima.

“O gesto de gravar é universal. Há sempre uma constante em cada gravador, não importando a sua origem, que é a exigência de deixar o seu traço. O projeto “La Collecte” reúne obras gravadas de artistas de cinco continentes. A idéia de se reunir e de trabalhar sobre o mesmo formato e o mesmo tema mostra que os trabalhos dos artistas podem servir de espelho do e para o mundo. Podemos ver nesse projeto uma variedade de propostas a partir de um mesmo assunto: o número DOIS”.
Jo Ann Lanneville
Atelier Presse Papier

O número DOIS
Um e dois são os primeiros conceitos numéricos inteligíveis ao ser humano. Um é o homem, associado à obra da criação ou ele mesmo no seio de um grupo social e também a sua própria solidão frente à vida e a morte. O número DOIS corresponde à evidente dualidade do masculino e do feminino e à simetria aparente do corpo. É também o símbolo da oposição, do complemento, da divisão, da rivalidade, do conflito e do antagonismo. Ele se manifesta, por exemplo, na idéia de vida e morte, do bem e do mal e de verdadeiro e falso.

Os seguintes poetas se uniram a este projeto:
Território Innu : Rita Mestokosho
Argentina : Mario Sampaolesi
Turquia : Tugrul Tanyol
Ásia: Marie Sunahara
Costa do Marfim : Tonella Boni
Austrália: Philip Hammial
Europa: Marie-Claire Bancquart

Exposições previstas:

Konschthaus `BEIM ENGEL`
Luxemburgo.
06 de fevereiro a 07 de março de 2004

EN TANGSÖGADE 4 UDSTILLING
Dinamarca
fevereiro de 2004

Gravura Brasileira
São Paulo, Brasil
12 de fevereiro a 27 de março de 2004

Centre de diffusion Presse Papier,
Québec, Canadá
outubro de 2004

http://www.cantogravura.com.br
http://sites.rapidus.net/atelier.presse.papier/
http://sites.rapidus.net/atelier.presse.papier/Collecte/collecte.html


ATIVIDADES PARALELAS:
PROJETO LAMBE-LAMBE - Projeto de intercâmbio artístico
A experiência coletiva do Presse Papier - Palestra com as artistas canadenses
Mylène Gervais e Valérie Guimond - Exposição de gravuras das artistas canadenses
Vídeo Lambe-Lambe - Projeção de vídeo sobre o projeto




PROJETO LAMBE-LAMBE - Projeto de intercâmbio artístico

Histórico
Durante todo o ano de 2003 o Projeto Lambe-Lambe reuniu um grupo de 18 artistas que produziu coletivamente mais de 5.000 cartazes em xilogravura e tipos móveis de madeira, dos quais mais da metade foi colada por toda a cidade de São Paulo e em outras localidades.

Segunda edição - 2004
Entre os dias 14 a 20 de fevereiro de 2004, a segunda edição do projeto Lambe-Lambe reunirá artistas e poetas convidados a trabalhar em projetos de cartazes coletivos que relacionem texto, imagem e a cidade de São Paulo.
Contaremos com a participação de 03 artistas e poetas canadenses e Jerônimo Soares gravador de cordel da Paraíba, que virão especialmente para este projeto de intercâmbio.
A partir de março deste ano a produção do projeto Lambe-Lambre estará nas ruas da cidade e em um grande painel nos ateliês Piratininga e Espaço Coringa.
Para dar continuidade as suas atividades, o projeto Lambe-Lambe, uma iniciativa sem fins lucrativos e subsidiada pelos próprios artistas, procura interessados em apoiar esse trabalho coletivo.

Informações gerais:
Entre os dias 14 a 20 de fevereiro de 2004
Início dos trabalhos: dia 14/02, às 14h00
Nos outros dias, das 09h00 as 18h30
Local: Atelier Piratininga/Espaco Coringa
Rua Fradique Coutinho 934 - Vl. Madalena
fone: 3816-6891 / 3813-8741
e-mail: apira@ig.com.br / espacocoringa@uol.com.br
Site do projeto: www.artebr.com/lambelambe


A experiência coletiva do Presse Papier - palestra
No dia 18 de fevereiro, às 19:30, as artistas Mylène Gervais e Valérie Guimond darão uma palestra sobre as ações do atelier coletivo de gravura de Trois Rivières, Presse Papier.
Local:Galeria Gravura Brasileira
R. Fradique Couitinho, 953, Vl. Madalena
Fone: 3097-0301 e 3097-9193
Dia 18 de fevereiro de 2004, àss 19h30


Mylène Gervais e Valérie Guimond - exposição
Exposição de gravuras das artistas Mylène Gervais e Valérie Guimond, integrantes do Atelier Presse Papier de Trois Rivières, Quebéc, Canadá.
Local: Atelier Piratininga
R. Fradique Couitinho, 934, Vl. Madalena
Fone: 3816-6891
Abertura: 17 de fevereiro de 2004, as 19h00
Período: 18/02 a 27/03/2004


Vídeo Lambe-Lambe - projeção de vídeo
Na ocasião da abertura das exposições, no dia 17/02, o atelier Espaço Coringa exibirá o vídeo-documentário sobre o projeto Lambe-Lambe em sessões à partir das 20:00.
Local: Atelier Espaço Coringa
R. Fradique Couitinho, 934, Vl. Madalena
Projeções dia 17/02, a partir das 20h00




















 

Copyright Gravura Brasileira

Rua Ásia, 219, Cerqueira César, São Paulo, SP - CEP 05413-030 - Tel. 11 3624.0301
Horário de funcionamento: Segunda a Sexta: 12h00 às 18h00 ou com hora marcada

site produzido por WEBCORE