Gravura Brasileira

Cântico dos Cânticos

Cântico dos Cânticos

De 31/1/2006 a 24/2/2006

Obras

[ Cântico dos Cânticos ]

mostra de gravuras em metal de Lucila Sartori

 

Sobre os Cânticos:


O Cântico dos Cânticos é uma coleção de poemas que, originariamente, devem ter sido destinados às solenidades nupciais. Sua autoria é atribuída à Salomão que se inspirou no amor humano, o amor que une o homem e a mulher no casamento. As festas nupciais eram para os antigos judeus a ocasião propícia para a manifestação de sua fé nos destinos da nação escolhida, que era considerada como a esposa do Senhor. Na união dos novos nubentes viam como religiosa alegria a Aliança divina se ia perpetuando. O amor humano tornava-se-lhes, portanto, um verdadeiro símbolo da Aliança de Deus com o seu povo. O Cântico foi considerado e lido pelos judeus, desde a sua origem, como um cântico de amor de Deus para com o seu povo.

 
Textos da artista:

A ação que se desdobra em algo visível e palpável no âmbito da poética, antes de tornar-se obra, , é movimentação convocadora de todas as instancias da alma. Em um impulso integrado de corpo, alma e espírito, pessoais e suprapessoais, o nunca visto antes irrompe na realidade tomando forma , cor , ocupando espaço , provocando quem olha a ver além do que está sendo visto , propondo sentir e pensar de outro jeito. É movimento da alma que percorre história pessoal e história remota coletiva que vai sendo forjado no âmago do sonho e do mito. É estado de mergulho profundo na corrente doadora do fluir e de deixar-se habitar por esse dinamismo. É suportar as agruras da busca, a angustia do tatear sem saber, É encantar-se com o encontro de tudo que pode abrir passagem a essa concretização.

"A multiplicidade de interpretações que o Cântico permite, e que o torna universal, é prova de que se trata de fonte inesgotável de inspiração para o exercício da criatividade.
Artistas, poetas, místicos, hermeneutas e estudiosos ao longo da história até a contemporaneidade, arrebatados pelo texto, deixaram-se guiar por ele na criação de suas obras.
Assim foi e está sendo comigo: fui capturada pelas belas imagens que o texto evoca, pelas metáforas de união amorosa, enfim, pelo mistério que encerra. É um poema que celebra e canta o amor e nos ensina seus passos.
Minhas gravuras são ressonâncias dessa experiência."

Abertura: 31 de janeiro de 2006, terça-feira, 19hs.
Exposição: de 01 a 24 de fevereiro de 2006.
Horários: segunda-feira a sexta-feira 10/18h e sábados 11/15h
Rua Fradique Coutinho, 953, Vila Madalena, ao lado da livraria da Vila
f. 11.3097.0301 e 3097.9193


 
Lucila Sartori - currículo

Formação 1961. Arquitetura de Interiores e História da arte, IADA 1963. Curso livre desenho, Faap 1973. Curso de desenho, atêlie Loy Portinari 1980. Graduação em Psicologia, PUC/SP 1982. Técnica do Sumié, Professor Okinaka 1984. Prática do desenho modelo vivo, Pinacoteca do Estado de São Paulo 1986. Curso de desenho e pintura, ateliê Professor Van Acker 1990. Estudo e prática de iluminuras, Professor Hélio Buck 1991. Pesquisa em iluminuras, Biblioteca do Vaticano 1992. Estudo de pinturas e cores, ateliê Thomaz Ianelli. Prática de gravura em metal, ateliê Maria Perez Sola 1994. Curso de Sumié, Professora Susan Hirata. História da Arte, Professor Rodrigo Naves 1998. Gravura em metal, Professor Evandro Carlos Jardim 2000. Gravura em metal, Professor Evandro Carlos Jardim.

Mostras 1992 . Salão de Arte Sacra, PUC, Curitiba 1993 . Salão de Arte Comtemporânea de Limeira . IV Bienal Nacional de Santos . MOstra Coletiva, Museu de Arte Comtemporânea de Goiânia 1994 . XIX Salão do Museude Arte de Ribeirão Preto. Oito Artistas, Fundação Casper Líbero, São Paulo 1995. Cinco Artistas, Fundação Caspér Líbero, São Paulo . V Bienal Nacional de Santos 1996. XXII Salão do Museu da Arte Comtemporânea de Curitiba. LII Salão Bunkio, Sociedade de Cultura Japonesa - Medalha de Prata 1997 . Salão de Pequenos Formatos, Unama, Pará. Mostra de Aquarelas, Bjergsted Park Music Center, Stavanger, Noruega. VI Bienal Nacional de Santos. Visões do Brasil - Confrontos e Mutações, Casa de Minas, São Paulo 199. Artistas Latino-Americanos, Memorial da América Latina, São Paulo. Transparências, Escritório de Arte Rosa Barbosa, São Paulo, 2000. Moradas, Galeria Sesc Paulista, São Paulo

Copyright Gravura Brasileira

Rua Ásia, 219, Cerqueira César, São Paulo, SP - CEP 05413-030 - Tel. 11 3624.0301
Horário de funcionamento: Segunda a Sexta: 12h00 às 18h00 ou com hora marcada

site produzido por WEBCORE